Frontpage Slideshow (version 2.0.0) - Copyright © 2006-2008 by JoomlaWorks
Início Exposições Em exibição MARIA JOÃO FERNANDES
MARIA JOÃO FERNANDES

185 MariaJoaoFernandes

 

 

 

 

 

755 MARIAJOAOFERNANDES

 

 

 

Uma Coleção, Um Percurso

Salvato Teles de Menezes

Das logische Bild der Tatsachen ist der Gedanke*
Ludwig Wittgenstein

 

 

A exposição de Arte Contemporânea da Coleção de Maria João Fernandes que a Fundação D. Luís I apresenta no Centro Cultural de Cascais assinala uma atividade de cerca de quarenta anos de crítica de arte da proprietária, período durante o qual se dedicou ao estudo e à apresentação crítica de obras, artistas e movimentos, equacionados com uma ótica que corresponde a uma metodologia desenvolvida a partir de estudos sobre o mito e centrada na antropologia do imaginário. Esses ensaios e apresentações críticas dão forma, no seu conjunto, a uma sintaxe do imaginário, inseparável de um conteúdo da esfera dos arquétipos a cuja pertinente análise se dedicou, em estudos de referência de um Mestre do pensamento europeu que conheceu pessoalmente, Gilbert Durand.

Sonhos do Dia e da Noite, reúne algumas das obras mais significativas da coleção, acompanha o labor de crítica de arte de várias décadas, refletindo as suas escolhas e a generosidade dos artistas que em muitos casos desejaram expressar com a oferta de um trabalho o seu apreço e gratidão. A par das obras, são mostrados numa fotobiografia os momentos mais significativos do percurso de Maria João Fernandes, também poeta, que, nesta faceta, usa o pseudónimo Joana Lapa. Assistimos ainda aos testemunhos de artistas e de personalidades da vida cultural portuguesa e europeia, sublinhando o valor desta travessia do universo das artes plásticas no navio da escrita. Reconstitui-se assim o percurso de uma estudiosa cujo trabalho está ligado a vários importantes momentos de afirmação das artes plásticas no nosso país.

 

*Uma imagem lógica de factos é um pensamento.
(excerto do texto do Catálogo da exposição) 
 
 
500 Júlio Desenho da Série Poeta
      JULIO | Série Poeta, Desenho tinta-da-china sobre papel, 74x63 cm
 
 
 
 
755. Artur Cruzeiro Seixas As Palavras Cegas
CRUZEIRO SEIXAS | Sem título, Pintura sobre papel, 29x38.5 cm

 

 

 

 

 

755 Gabriel Garcia Retrato Maria João Fernandes

GABRIEL GARCIA | Retrato de maria João Fernandes, Óleo sobre papel, 50x70 cm

 

 

Maria João Fernandes, Crítica de arte (A.I.C.A. Associação Internacional de Críticos de Arte), Mestre em História de Arte, pela Faculdade de Letras do Porto, ensaísta e poeta, com o pseudónimo Joana Lapa tem vindo a desenvolver desde o início do seu percurso em 1975 um diálogo com a obra de arte, incrementado no âmbito da sua atividade na Fundação de Serralves, Museu de Arte Contemporânea do Porto onde foi responsável por publicações, grandes exposições e Colóquios internacionais. Colaboradora permanente do Jornal de Letras Artes e Ideias, quase desde a sua origem e até à atualidade, fez parte de diversos júris de Prémios de Artes Plásticas em Portugal e em Espanha. Como assistente universitária, nomeadamente de disciplinas como "Literatura e Mito", "Literatura Portuguesa Contemporânea" e "Literatura e Artes Plásticas" (Faculdade de Letras de Lisboa), "Crítica de Arte" (Universidade de Évora") e "A Mulher e a Arte" (Universidade Aberta), Seminário de Mestrado que lecionou a convite de Ana Hatherly, dedicou-se ao estudo da antropologia do imaginário, dos grandes arquétipos e dos mitos fundadores que estão na origem, tanto da literatura, como das artes plásticas, duas expressões sempre presentes na sua reflexão e na sua escrita.

 

 

 

 

Agenda

<<  Outubro 2020  >>
 Se  Te  Qu  Qu  Se  Sá  Do 
     1  2  3  4
  5  6  7  8  91011
12131415161718
19202122232425
262728293031